Sinsempece participa de reunião com representantes do Governo – ASSEMPECE

Sinsempece participa de reunião com representantes do Governo

O presidente do Sindicato dos Servidores do Ministério Público (Sinsempece), Tony Távora, esteve presente na tarde de ontem (28/02), no Palácio da Abolição, em reunião com o Secretário da Casa Civil, Nelson Martins, e diversas representatividades sindicais do serviço público.

Após três horas de espera, a reunião teve seu início por volta das 18h, onde Dimas Oliveira, representante do Fórum Unificado das Associações e Sindicatos dos Servidores Públicos Estaduais do Ceará (Fuaspec), explanou sobre o índice de defasagem remuneratório experimentado pelos servidores públicos nos últimos 4 anos, justificando assim o percentual de 20,64% de defasagem remuneratória, baseado no estudo do professor Lúcio Maia, Diretor do Sindicato dos Fazendários do Estado do Ceará (Sintaf).

Em seguida, o secretário executivo do Tesouro Estadual e de Metas Fiscais da Secretaria da Fazenda do Estado do Ceará (Sefaz), Fabrízio Gomes Santos,  fez uma exposição sobre a receita e despesas do Estado, justificando assim a não possibilidade de conceder uma revisão dentro do percentual exigido pelas entidades sindicais. Segundo o secretário executivo da Sefaz, o governo aguarda o término do mês de fevereiro, para que com base no relatório resumido da execução orçamentária, possa chegar ao índice de revisão geral anual.

As entidades presentes na reunião argumentaram que já há previsão orçamentária para concessão da inflação do ano de 2018, e que o estado deveria destinar recursos para atender a solicitação das entidades, entendendo como obrigação do estado recompor a defasagem da inflação. Uma nova reunião por meio do Fuaspec, ainda sem data estipulada, deverá ser marcada com a participação do Secretário de Planejamento Mauro Benevides Filho.

É importante salientar a presença dos companheiros de luta do Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE): Deives dos Santos, Francisco de Paula, Emanuel Marcos, Márcio Saraiva, além do corpo diretor do Sinsempece, que se fizeram presente na mobilização.